Skip links

Autor: Vinícius Denny

Robô-promotor trabalhando em eventos e feiras

Robô-promotor trabalhando em eventos e feiras

Só quem já trabalhou em eventos ou feiras de grande porte sabe o quão cansativo atender inúmeras pessoas pode ser. Ficar em pé no estande, conversar com um sem-número de pessoas, fazer a triagem de potenciais clientes e parceiros, responder perguntas repetidas, redizer incontáveis vezes as mesmas informações. Saímos com o que sobrou da nossa voz perguntando aos céus se não há nenhuma maneira de automatizar ou tornar mais fácil

Robôs trabalhando como concierges

Robôs trabalhando como concierges

O objetivo básico dos robôs é poder automatizar e tornar mais fácil diversas funções do dia a dia das pessoas. Por isso, dentre várias novidades apresentadas na última CES em Las Vegas, um grande destaque foi a demonstração de uso do robô físico Promobot V4 na função de concierge. Concierge – que é uma palavra francesa que pode ter diversas traduções – é uma função que todos conhecemos bem aqui

Um robô foi atropelado por um carro autônomo da Tesla. O que pensamos disso?

Um robô foi atropelado por um carro autônomo da Tesla. O que pensamos disso?

Na semana passada, durante o evento de tecnologia da CES em Las Vegas, um robô V4 da Promobot (mesmo modelo do nosso Umbô), teve um acidente com um veículo autônomo produzido pela Tesla. Caso ainda não tenha visto, você pode conferir as imagens abaixo: Muitos veículos de imprensa veicularam a notícia como se o robô tivesse sido “morto”  por outra inteligência artificial, tratando-se do primeiro “robocídio” documentado da história. Embora

Robôs: tradutores da tecnologia para imigrantes digitais

Robôs: tradutores da tecnologia para imigrantes digitais

A cena é corriqueira. Acontece em diferentes cenários e com diferentes personagens. Pode ser a interação entre um senhor e o caixa eletrônico no banco; a avó que recebeu um celular novo e quer mexer no WhatsApp ou fazer uma ligação; o pai brigando com a SmartTV, tentando conectar o YouTube ou o Netflix. Se há alguns anos saber usar tecnologia poderia parecer supérfluo, hoje em dia é muito difícil

Return to top of page