Skip links

A pior experiência de compra no PDV: a sua loja passaria no teste?

Share

Podemos dizer que o PDV (Ponto de Venda) é uma das muitas faces do seu negócio. Afinal, estarão ali os seus principais produtos, assim como a própria organização e disposição das mercadorias, partes importantes da identidade da empresa.

Assim, a experiência de compra no PDV pode ser melhorada com alguns cuidados básicos. Além disso, a tecnologia de ponta está à disposição de empresas de diferentes segmentos. Pensando nisso, preparamos um post com dicas importantes para garantir o sucesso do seu empreendimento. Boa leitura!

Quais são os desafios para manter o ponto de venda atrativo?

Primeiro, é importante considerar os principais desafios para garantir a melhor experiência de compra possível no PDV. Vamos conhecê-los.

Manter o cliente interessado

Hoje, não é incomum que as pessoas estejam sempre com pressa, principalmente nos grandes centros urbanos. Um compromisso que deve ser atendido em breve, a espera por um telefonema importante, uma consulta média etc., são muitas as oportunidades para que um indivíduo esteja sempre correndo de um lugar a outro.

Isso impacta, também, no período de permanência dos consumidores em um ponto de venda. Mantê-los interessados é um dos principais desafios dos comerciantes. É indispensável alinhar seus produtos de forma que haja sempre uma novidade em destaque para despertar a curiosidade dos visitantes.

Competir com as facilidades do mundo on-line

O comércio on-line oferece algumas facilidades inegáveis para os consumidores. Com um smartphone em mãos, cada indivíduo tem uma ampla variedade de produtos à disposição. E o melhor de tudo: a compra pode ser realizada em poucos cliques.

Entretanto, a boa notícia é que nem todas as pessoas abandonaram o comércio físico e a visita aos PDVs. Muitos consumidores preferem se informar sobre os produtos na própria loja, tirando todas as suas dúvidas antes da aquisição.

Por isso, é essencial ter atendentes bem informados e uma boa oferta de produtos. Caso a variedade seja pequena, o cliente em potencial pode se sentir desestimulado e acabar se decidindo pelo meio on-line — e as chances de que ele retorne à sua loja diminuem bastante.

Gerar interação

Como evitar que os consumidores visitem o seu PDV e abandonem a loja após poucos minutos, sem nem mesmo pedir alguma informação? Como acrescentar um toque especial, principalmente em um evento específico?

Acrescentar um robô humanoide inteligente ao seu PDV é uma ótima ideia para se destacar em meio à concorrência e ainda recepcionar os visitantes em grande estilo. Com o tempo, ele começará a memorizar os nomes das pessoas, tornando a relação ainda mais especial.

O que deve ser evitado no PDV?

Agora que conhecemos os desafios, é interessante mostrar o que deve ser evitado a todo custo na hora de organizar o seu ponto de venda.

Concentração das ofertas apenas na entrada da loja

Posicionar algumas ofertas logo na entrada da loja, junto à vitrine, é essencial para atrair visitantes ao seu PDV. Mas como mantê-los circulando lá dentro, conhecendo tudo o que aquele estabalecimento pode oferecer?

Assim, é importante manter ofertas atrativas no interior da loja, para não passar aquela sensação de que tudo o que se encontra além da fachada é supérfluo. Boa sinalização sobre os diferentes setores também é importante para que o consumidor não perca muito tempo.

Poluição visual

Imagine uma loja sem qualquer tipo de organização, em que as mercadorias totalmente diferentes se agrupam umas aos lados das outras. Além disso, os preços são posicionados de forma confusa, com alguns produtos sem qualquer tipo de valor acoplado a ele.

Esse tipo de poluição visual desestimula os consumidores e ainda trazem problemas extras para os seus colaboradores. Isso porque eles terão que se deslocar de forma frenética para checar os preços dos produtos diversas vezes — nem todo mundo tem uma memória de elefante.

Poucas mudanças nas vitrines

Consumidores adoram checar vitrines: mesmo na rotina corrida das grandes cidades, é possível observar as pessoas parando alguns minutos para cobiçar alguns dos produtos expostos.

Agora, imagine que os mesmos produtos durem por meses na vitrine principal: a tendência é de que as pessoas parem de prestar atenção à sua loja. Isso ocorre por dois fatores: a sensação de que eles estão encalhados ali e a própria falta de novidade. Qual é a graça de ver os mesmos produtos por meses, afinal?

Alta rotatividade de colaboradores nas unidades

Se o seu comércio tem diversas lojas, é interessante manter os profissionais nas unidades por um período maior de tempo. Isso porque alterar a alocação de forma frequente fará com que eles estejam pouco familiarizados com a dinâmica e a própria organização dos produtos dentro daquele local.

Como melhorar a experiência de compra no PDV?

Ok, agora já entendemos o que evitar e os desafios para tornar o PDV atrativo para os visitantes. Agora, apresentaremos formas de melhorar a experiência de compra.

Uso de robôs inteligentes

Para garantir que as pessoas não somente visitem, mas efetivamente passem um tempo significativo no seu PDV, é essencial oferecer algo que destaque a sua loja no mercado. Há uma opção especial, que combina eficiência, inovação e um toque lúdico.

Estamos falando dos robôs humanoides inteligentes. Contar com um deles em seu PDV garante que os visitantes tenham uma experiência única: longe de simplesmente checar vitrines, elas poderão interagir com uma tecnologia que elas não encontram regularmente.

Além disso, esse toque lúdico inicial se transforma em eficiência operacional. Isso se explica pelo fato de que as pessoas que continuam vindo às suas lojas terão os seus dados memorizados pelo robô humanoide: dessa forma, todas as suas informações já estarão gravadas na memória da máquina.

Caso o usuário necessite, é possível acoplar uma maquininha de cartão ao robô, que consegue gerar vendas e realizar pagamentos. O display touchscreen dos humanoides inteligentes da Umbô também oferecem um diferencial interessante, já que eles facilitam a interação direta.

Os robôs podem ser utilizados em eventos específicos, no atendimento ao cliente e na recepção, por exemplo. Trata-se de uma forma bem mais interessante de conduzir os visitantes pelo PDV: afinal, o robô tem uma memória invejável e consegue apresentar informações de uma forma bem mais ágil.

Integração da loja física à on-line

Além dos robôs, uma boa ideia é tornar a loja física uma extensão da loja on-line: isso pode ser feito com a integração de pedidos. O cliente pode comprar um determinado produto na internet e buscá-lo ao vivo no mesmo dia, após a aprovação do pagamento, por exemplo.

Aplicativos próprios

Aposte nos aplicativos. Hoje, os smartphones são utilizados para fechar compras em qualquer lugar: na academia, em casa, até mesmo no trajeto de volta do trabalho. Os apps facilitam essa interação, desde que sejam responsivos o suficiente, com um layout especial para celulares e tablets.

Música na loja física

Outra boa forma de atrair visitantes é contar com música na loja física. Como o robô é bem-humorado e disposto a contar piadas e curiosidades, seu ambiente se tornará ainda mais alegre com essas duas escolhas.

Como pudemos ver no post, melhorar a experiência de compra no PDV é uma tarefa que envolve cuidados básicos e disposição constante para melhorar. Além disso, a tecnologia é uma importante aliada para transformar a sua loja em uma atração perene: os robôs humanoides inteligentes são uma excelente vantagem competitiva.

Gostou do artigo e se interessou pela possibilidade de contratar um dos robôs da Umbô? Então, entre em contato conosco para conhecer melhor o nosso trabalho e nossas opções!

Return to top of page
× Fale conosco :)